Conheça o Vale da Eletrônica mineiro que movimenta bilhões de reais com suas invenções


A pequena Santa Rita do Sapucaí está na vanguarda de muitas pesquisas como a tecnologia 6G

Por João Sorima Neto — O Globo – 08/12/2022 

Paisagem pacata do interior esconde o potencial econômico de Santa Rita do Sapucaí (MG), que tem 60% do PIB vindo de empresas de tecnologia Paisagem pacata do interior esconde o potencial econômico de Santa Rita do Sapucaí (MG), que tem 60% do PIB vindo de empresas de tecnologia Edilson Dantas

A tecnologia 5G, que permite troca de dados em alta velocidade e conexões simultâneas, mal chegou à maioria dos municípios brasileiros e um grupo de cientistas já está pesquisando o próximo avanço das telecomunicações: a rede 6G. Quando ela começar a ser implementada, a partir de 2030, integrará o mundo real com o virtual por meio de inteligência artificial, possibilitando uso de recursos como holografia e aplicações táteis.

A liderança desses estudos no Brasil está concentrada na pequena cidade de Santa Rita do Sapucaí, de 45 mil habitantes, no Sul de Minas Gerais. Embora mantenha ar rural, ela ostenta o título de Vale da Eletrônica brasileiro. Mais de 60% do Produto Interno Bruto (PIB) do município sai de suas quase 200 empresas de tecnologia (muitas criadas por meio de três incubadoras locais). Elas atuam em segmentos tão distintos como eletro biomedicina e segurança.

Juntas, essas companhias geram 14 mil empregos e giram mais de R$ 3,6 bilhões por ano em faturamento, cifra que deve subir a R$ 6 bilhões até 2024, segundo estimativa do Sindicato das Indústrias do Vale da Eletrônica (Sindvel). A prefeitura se prepara para criar o primeiro distrito industrial numa área de 200 mil metros quadrados, com expectativa de geração de 2 mil novos empregos. Um arranjo local estimula as empresas a fornecerem produtos umas às outras, o que ajuda a reter mão de obra especializada.

— A inovação faz parte do DNA do município. Formamos profissionais e criamos um ecossistema para mantê-los aqui — conta Publio Teles, secretário municipal de Ciências, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico.

O investimento em educação acompanha esse cenário. A cidade foi a primeira a ter uma escola de eletrônica (ETE) da América Latina, nos anos 1950. Também criou o primeiro curso de engenharia de telecomunicações (Inatel) do país, nos anos 1960. Mais recentemente, surgiu uma faculdade de Administração focada em empreendedorismo de base tecnológica A aposta deu resultados: saíram de Santa Rita novidades como a urna e a tornozeleira eletrônicas e o transmissor de TV digital.

Os números de Santa Rita do Sapucaí — Foto: Editoria de Arte/O Globo

É o Inatel que está liderando o projeto pioneiro Brasil 6G, que conta com a participação de várias instituições de ensino e pesquisa nacionais e tem o apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.

— A nova rede 6G dará às pessoas uma espécie de sexto sentido. Vamos interagir com as coisas de forma mais intuitiva. O smartphone será coisa do passado — diz o professor Luciano Leonel Mendes, coordenador de pesquisa do Centro de Referência em Radiocomunicações do Inatel.

Numa integração com a iniciativa privada, o Inatel presta serviços a empresas, que geram uma receita de R$ 70 milhões ao ano à instituição. Entre as novidades, há estudos para a transmissão de dados via luz com alta velocidade.

Há outras inovações no radar. A Ventrix, empresa de engenharia biomédica, criou o primeiro eletrocardiograma do país feito pelo celular, com diagnóstico remoto. A empresa lançou este ano um curativo para feridas complexas, como queimaduras, que vem sendo pesquisado desde 2007.

Santa Rita é uma das três participantes de um projeto piloto de “cidades inteligentes” do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Por meio de um aplicativo, moradores podem solicitar serviços de zeladoria ou ajuda da Guarda Municipal e da Polícia Militar. Ainda no mesmo projeto, os veículos da prefeitura são monitorados digitalmente para economizar combustível.

https://oglobo.globo.com/especiais/noticia/2022/12/conheca-o-vale-da-eletronica-mineiro-que-movimenta-bilhoes-de-reais-com-suas-invencoes.ghtml

Se você tiver interesse e ainda não estiver inscrito para receber diariamente as postagens de O Novo Normal, basta clicar no link: https://chat.whatsapp.com/EgFjdLGaUJMIr4HBnf4O4R (08) para WhatsApp ou https://t.me/joinchat/SS-ZohzFUUv10nopMVTs-w  para Telegram. Este é um grupo restrito para postagens diárias de Evandro Milet. Além dos artigos neste blog, outros artigos de Evandro Milet com outras temáticas, publicados nos fins de semana no Portal ES360, encontram-se em http://evandromilet.com.br/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: