Miami está se tornando a capital da inovação e das criptomoedas


A atração pela cidade vai além das praias e incentivos fiscais: ela é parte de um fenômeno maior

 Por Maurício Benvenutti – O Estado de S. Paulo 23/02/2022

Completei 2 meses em Miami. O ambiente vibrante, repleto de pessoas do mundo inteiro interagindo entre si e criando coisas novas, me fez lembrar os 5 anos que vivi no Vale do Silício, de 2015 a 2020. A atmosfera pró-empreendedorismo do sul da Flórida está transformando a região.

Vale lembrar que a economia desse lugar já impressiona há décadas. A Flórida é o 4º estado mais rico dos EUA. Se fosse um país, seria a 17ª maior economia do mundo. Só a cidade de Miami, sozinha, ocuparia a 40ª posição desse ranking com um PIB anual de quase U$ 300 bilhões, na frente de Portugal e Chile, por exemplo.

Mas a pandemia colocou um novo ingrediente nessa receita: a tecnologia. Em dezembro de 2020, um investidor de São Francisco cogitou em seu Twitter que poderia se mudar para Miami. Imediatamente, Francis Suarez, prefeito da cidade, respondeu: “como posso ajudar?”.Depois disso, importantes nomes do venture capital californiano e do private equity nova iorquino se mudaram para a Flórida. E os bilhões que essa turma tem para investir acabaram atraindo milhares de empreendedores e startups.

Miami aos poucos se torna um grande polo da inovação 

Miami aos poucos se torna um grande polo da inovação 

Mais de 220 mil pessoas se mudaram para Flórida entre julho de 2020 e 2021. Ou seja, 605 novos residentes por dia. Isso supera os números de qualquer outro estado americano. Para atender a demanda, há pelo menos 22 arranha-céus sendo construídos em Miami no momento, algo também não visto em outro lugar.

Entre as tecnologias desenvolvidas na cidade, o universo das moedas digitais se destaca. Miami trabalha para ser a “capital mundial das criptomoedas”. Ela sediou o Bitcoin Conference, um dos mais importantes eventos dessa indústria. O ginásio local da NBA passou a se chamar FTX Arena, nome de uma das principais bolsas de criptoativos da atualidade. Além disso, o poder público entrou de cabeça nessa área. O município recém anunciou a MiamiCoin, a primeira CityCoin a ser lançada que reverterá 30% dos seus ganhos para o governo investir na região. O prefeito passou a receber 100% do seu salário em bitcoin. E, logo, os funcionários da prefeitura poderão receber também. Não é à toa que o Financial Times elegeu Miami como a cidade mais importante dos EUA atualmente.

Tudo leva a crer que o motivo da atração do mundo por Miami vai muito além das suas praias e incentivos fiscais. O que estamos vendo na Flórida é mais um capítulo desse fenômeno anywhere que está provocando uma verdadeira dispersão dos hubs de inovação pelo mundo.

https://link.estadao.com.br/noticias/inovacao,miami-esta-se-tornando-a-capital-da-inovacao-e-das-criptomoedas,70003986316

Se você tiver interesse e ainda não estiver inscrito para receber diariamente as postagens de O Novo Normal, basta clicar no link: https://chat.whatsapp.com/JJWgDa0eV7b7cFX5qvhSLP (10) para WhatsApp ou https://t.me/joinchat/SS-ZohzFUUv10nopMVTs-w  para Telegram. Este é um grupo restrito para postagens diárias de Evandro Milet. Além dos artigos neste blog, outros artigos de Evandro Milet com outras temáticas, publicados nos fins de semana em A Gazeta, encontram-se em http://evandromilet.com.br/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: